0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2014-05-20 | Igreja/Portugal: Faleceu D. Eurico Dias Nogueira

Funeral do arcebispo emérito de Braga vai realizar-se na quarta-feira, às 15h30

Braga, 19 mai 2014 – Faleceu hoje D. Eurico Dias Nogueira, aos 91 anos de idade, após "internamento súbido no hospital", informa a página da internet da Arquidiocese de Braga.

O funeral do prelado, que foi arcebispo primaz de Braga entre 1977 e 1999, vai realizar-se na quarta-feira, às 15h30.

O corpo de D. Eurico Dias Nogueira estará a partir desta terça-feira na Sé de Braga, onde será rezada a oração de Laudes às 10h00 e às 17h30 vai ser celebrada uma missa.

D. Eurico Dias Nogueira nasceu em Dornelas do Zêzere, Diocese de Coimbra, na qual foi ordenado padre e bispo, após ter sido nomeado para a diocese moçambicana de Vila Cabral, em 1964, o que lhe permitiu participar no Concílio Vaticano II.

Oito anos depois, D. Eurico Dias Nogueira seria transferido para a Diocese de Sá da Bandeira, em Angola, voltando a Portugal em 1977, sendo nomeado arcebispo primaz de Braga, cargo que ocupou até 1999.

Numa entrevista à Agência ECCLESIA, D. Eurico Dias Nogueira recordou com emoção os seus anos em África, admitindo que “criticava algumas posições do governo” e que, então, “não dizer bem do governo era, automaticamente, «ser comunista»”.

“Era um exagero. São histórias sem fundamento…”, sublinhou.

No dia em que celebrou o 89.º aniversário, D. Jorge Ortiga presidiu a uma celebração na Sé de Braga onde referiu que o curriculum de D. Eurico Dias Nogueira só leva a “aprender a fazer o bem”.

A respeito da passagem do seu predecessor por terras africanas, D. Jorge Ortiga sublinhou que “o inédito e os perigos duma sociedade civil agitada não o impediram de servir um povo que necessitava da ternura de Deus, para além da cor ou religião”.

“O seu testemunho recorda-nos que a dimensão missionária, não se cinge ao Ultramar, mas também se pode ser missionário na Europa. Trata-se de uma premissa a valorizar no agora panorama da nova-evangelização”, acrescentou.

O diretor do Secretariado Nacional das Comunicações Sociais da Igreja, cónego João Aguiar Campos, destacou no editorial da Agência ECCLESIA publicado por ocasião do 89º aniversário de D. Eurico Nogueira Dias o modo "exemplar" como viveu “após deixar o paço e o governo ativo da arquidiocese”.

“O senhor D. Eurico entregou-se, generosa e discretamente, às tarefas que lhe foram solicitadas na vida diocesana, com a humildade de quem põe à disposição de outrem as suas muitas competências. Com uma serenidade exemplar e uma modelar silêncio. Sem comentários, juízos ou comparações, provocados ou consentidos”,escreve.

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar