0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2013-09-25 | Setúbal: Diocese aposta na continuidade da formação cristã

Novo ano pastoral vai procurar ligar pais e filhos à volta da fé

Setúbal, 24 set 2013 (Ecclesia) - A Diocese de Setúbal vai apostar na continuidade do programa pastoral dos últimos três anos e reafirmar o desejo de proporcionar uma iniciação cristã “exigente” e “cativante”.

“Vamos continuar o projeto - Setúbal educa a fé dos teus filhos - que nos norteou nestes três anos para proporcionar aqueles que a nunca a tiveram, aqueles que estão a percorrer uma iniciação cristã que seja ao mesmo tempo exigente mas cativante”, explica D. Gilberto Reis, bispo de Setúbal.

Nesta aposta, a diocese pretende não só formar os filhos mas também os pais que nunca tiveram oportunidade de “fazer uma experiência profunda de Deus”.

“Através dos filhos vamos fazer-lhes sentir o amor vivo de Deus por elas”, acrescentou o prelado à Agência ECCLESIA.

O objetivo da continuidade do programa pastoral é também “ajudar” que quem procura a Igreja e não estando crismadas que descubram que o “sacramento da reconciliação faz parte da iniciação cristã” porque é “uma riqueza” desafia-las a aprofundar a fé.

O programa tem quatro grandes alíneas: Reorganizar o Catecumenado; Formação dos catequistas de crianças, adolescentes e adultos; Envolvimento dos pais na catequese dos filhos e apelo e preparação de adultos para o sacramento do Crisma.

Em relação a estes objetivos, D. Gilberto analisa que sonha-se “sempre mais” mas considera que “sobretudo” na de formação e sensibilização de catequistas tiveram frutos positivos.

Na terceira alínea do programa, o prelado revela que no último plenário do clero partilharam “uma série de experiências” com os pais das crianças que frequentam a catequese e que revelaram “uma grande sensibilidade e atenção” a esta etapa.

Em 2013, foram crismadas mil pessoas na Diocese de Setúbal e o bispo diocesano revela que da formação de adultos crismaram-se cerca de 500.

“Significa que houve um grande esforço de sensibilização e que as pessoas se deixam tocar por este sacramento, por esta oportunidade de graça”, concluiu D. Gilberto Reis.

A Diocese de Setúbal já divulgou as atividades que vai promover ao longo do novo ano pastoral 2013/2014 com a divulgação do seu calendário diocesano.

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar