0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2013-09-11 | Autárquicas: Bispos apelam à responsabilidade cívica e ao voto das populações

Mensagem do Conselho Permanente da Conferência Episcopal sublinha eleições como oportunidade de lutar pelo «bem-comum»

Fátima, Santarém, 10 set 2013 (Ecclesia) – O Conselho Permanente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) apelou hoje à responsabilidade cívica e ao voto das populações nas eleições autárquicas marcadas para 29 de setembro.

No comunicado enviado à Agência ECCLESIA, o organismo presidido pelo patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, sublinha que “a todo o cidadão pertence oferecer a sua ativa colaboração, especialmente quando é convocado para votar”.

“A abstenção acaba sempre no beco sem saída da desistência de contribuir para melhorar a vida da comunidade”, apontam os bispos que integram o Conselho Permanente da CEP.

Os responsáveis católicos, que reuniram esta terça-feira em Fátima, exortam as comunidades a cumprirem o “direito e dever de participar na vida democrática do país, votando naqueles que em consciência cada um julgar serem os mais aptos para servir o povo nos respetivos municípios e freguesias”.

Recordam ainda as palavras que o Papa Francisco dirigiu aos cristãos, desafiando-os a participar ativamente na vida política e a trabalharem pelo “bem comum”.

Dirigindo-se depois aos “profissionais da política” que se preparam para concorrer ao sufrágio de setembro, os bispos pedem-lhes que privilegiem a “honestidade, competência e espírito de serviço”.

“Mais do que fazer prevalecer uma determinada cor política e partidária, está em jogo a capacidade dos candidatos servirem o povo da sua zona”,sublinha o organismo.

O Conselho Permanente é um órgão delegado da assembleia dos bispos católicos em Portugal, com funções de preparar os seus trabalhos e dar seguimento às suas resoluções, reunindo ordinariamente todos os meses.

O organismo é atualmente constituído por D. Manuel Clemente, patriarca de Lisboa (presidente da CEP); D. António Marto (vice-presidente), bispo de Leiria – Fátima; D. Jorge Ortiga (vogal), arcebispo de Braga; D. Gilberto Canavarro Reis (vogal), bispo de Setúbal; D. António Francisco dos Santos (vogal), bispo de Aveiro; D. Manuel Quintas (vogal), bispo do Algarve; D. António Couto, bispo de Lamego; padre Manuel Morujão (secretário).

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar