0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2013-06-27 | Vaticano: Papa quer cristãos de ação e alegres

Francisco alerta para tentação de um «Cristianismo sem Jesus»

Cidade do Vaticano, 27 jun 2013 (Ecclesia) – O Papa Francisco pediu hoje no Vaticano que os cristãos sejam pessoas de “ação”, com alegria, e alertou para a tentação de construir um Cristianismo sem Jesus.

“Há a tentação destes cristãos de palavra, de um Cristianismo sem Jesus, um Cristianismo sem Cristo; isso aconteceu e acontece hoje na Igreja: ser cristão sem Cristo”, observou, na homilia da missa a que presidiu na capela da Casa de Santa Marta.

Segundo o Papa, há pessoas que “se mascaram de cristãos” e falham por serem excessivamente superficiais ou demasiado rígidas na sua vivência de fé, pedindo que os membros da comunidade católica sejam “cristãos de ação, verdadeiramente”.

A homilia abordou, em seguida, a questão dos “cristãos de palavra”, que “gostam de palavras bonitas” ou que “olham para o chão”.

“Há esta tentação, hoje: cristãos superficiais, que acreditam em Deus, sim, em Cristo, mas de forma demasiado difusa: não é Jesus Cristo que dá o fundamento. São os gnósticos modernos”, advertiu, falando num Cristianismo “líquido”.

O Papa falou, por outro lado, os que “acreditam que a vida cristã se deve levar tão ao sério que acabam por confundir solidez, firmeza com rigidez”.

“Estes pensam que para ser cristão é preciso estar sempre de luto”, lamentou.

Francisco concluiu com um convite a construir a vida cristã sobre Jesus, “a rocha que dá a liberdade”, e que faz avançar “com alegria no seu caminho, nas suas propostas”.

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar