0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2013-03-05 | Portalegre-Castelo Branco: Transmissão do cristianismo é impossível sem pais com fé «esclarecida», diz bispo

D. Antonino Dias presidiu à 8.ª Jornada Diocesana da Família

Abrantes, Santarém, 04 mar 2013 (Ecclesia) – O bispo de Portalegre-Castelo Branco considera que “os pais não podem evangelizar se não estão evangelizados, nem podem transmitir a fé se não têm uma fé esclarecida e adulta”.

“Não há pastoral que possa ter esse nome se não tiver a família como ponto de partida”, frisou D. Antonino Dias à Agência ECCLESIA, durante a oitava Jornada Diocesana da Família que decorreu este sábado em Abrantes.

O prelado, que preside à Comissão Episcopal do Laicado e Família, salientou que “há muitos pais que não têm muito para ensinar no campo da fé porque não foram formados nela”, devido à “descristianização”.

“É na comunidade que somos evangelizados e crescemos na fé”, e é também nas paróquias que as convicções religiosas são testemunhadas e transmitidas, realçou, acrescentando que os párocos devem estar atentos à “formação” dos fiéis.

O encontro, intitulado ‘A Família embrião da fé e da evangelização’, incluiu uma conferência sobre o mesmo tema e um painel denominado ‘Como nasceu e se desenvolveu a tua fé?’, tendo terminado com a celebração da missa.

Em dezembro de 2012 o prelado anunciou que a Pastoral Familiar vai ser objeto de reflexão entre setembro e julho de 2014, no âmbito do sínodo que a diocese está realizar.

D. Antonino Dias revelou que tem “expectativas grandes” em relação ao sucessor de Bento XVI e manifestou-se convicto de que o novo Papa vai ser “capaz de responder aos desafios” colocados pela “etapa histórica” que a Igreja Católica atravessa.

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar