0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2010-10-21 | Papa recebeu novo embaixador português no Vaticano
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Manuel Fernandes Pereira assume novas funções, sucedendo a João Rocha Páris. Visita papal e Concordata dominam discursos
 
 
 
 
 
 
Bento XVI recebeu hoje, 21 de Outubro, o novo embaixador português no Vaticano, Manuel Fernandes Pereira, recordando a sua viagem a Portugal, em Maio último, e apelando a uma regulamentação da Concordata de 2004.

Na sua intervenção, o Papa veio "encorajar os esforços que se estão a fazer para uma completa e fiel aplicação" da Concordata de 2004 "nos diversos campos da Igreja Católica e da sociedade portuguesa".

"De uma respeitosa colaboração e leal entendimento entre a Igreja e o poder civil, só poderão derivar benefícios para a sociedade portuguesa", precisou.

Já para o novo embaixador português, "a Concordata actualmente em vigor constitui um instrumento plenamente apto a assegurar um relacionamento bilateral conforme não só com as nobres tradições e profundos laços históricos", mas também "com os relevantes interesses comuns contemporâneos em frutuosas condições de estabilidade e de respeito mútuo".

A respeito da visita que realizou a Portugal, entre 11 e 14 de Maio de 2010, o Papa assegurou: "Jamais esquecerei o acolhimento caloroso a mim reservado, bem como a maneira gentil e respeitosa com que as minhas palavras foram recebidas".

"Considero que tudo isto tem também uma importância social: onde a sociedade cresce e as pessoas se fortalecem no bem graças à mensagem da fé, sai beneficiada também a convivência social e os cidadãos sentem-se mais disponíveis para servir o bem comum", acrescentou.

Manuel Fernandes Pereira, por seu turno, referiu que se mantêm "bem presentes na memória de todos os múltiplos gestos de carinhoso e paternal afecto para com Portugal e para com os Portugueses que Vossa Santidade, tanto na mencionada visita como ao longo de todo o seu Pontificado, tem dispensado".

"É-me igualmente muito grato poder ser, nesta oportunidade, o intérprete da arreigada devoção filial do Povo Português à Igreja e a Vossa Santidade, sentimentos estes que Vossa Santidade pôde confirmar por ocasião da memorável visita com que honrou, há meses, o meu País", acrescentou.

Manuel Tomás Fernandes Pereira, de 63 anos,foi nomeado para o cargo com o Decreto do Presidente da República n.º 85/2010, de 13 de Agosto, publicado em Diário da República.

Antigo representante permanente de Portugal junto da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), Manuel Fernandes Pereira passou ainda por Pretória, na África do Sul, e desempenhou vários cargos na dependência do Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) e da Defesa.

Portugal era representado desde 2004, na Santa Sé, pelo embaixador João Alberto Bacelar da Rocha Páris que, cessou funções em Junho de 2010, data em que foi recebido, com a esposa, por Bento XVI.

Na sua qualidade de Estado soberano, a Santa Sé tem relações diplomáticas com mais de 170 países.

 
Fonte: Agencia Ecclesia
<<< Voltar