0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2012-04-24 | Igreja celebra semana dedicada às vocações

Responsáveis nacionais convidam jovens a serem futuros padres e religiosos católicos, com recurso à internet e redes sociais

D.R.

A Igreja celebra entre os dias 22 e 29 deste mês a Semana Nacional das Vocações, com recurso à internet e às redes sociais para convidar os jovens portugueses a serem os próximos padres e religiosos católicos.

“Vocação é ser chamado a olhar o mundo com amor”, afirma um dos vários intervenientes do vídeo de divulgação desta iniciativa, disponibilizado na página dedicada a esta semana no Facebook.

Os responsáveis pela iniciativa oferecem um guião, com mensagens do Papa e do bispo português que acompanha o setor das vocações, bem como catequeses alusivas ao tema.

O caderno, disponível na internet, começa com a mensagem do Papa, intitulada “As vocações, dom do amor de Deus”, tema da Semana organizada pela Comissão Episcopal Vocações e Ministérios.

O caderno de 68 páginas inclui textos de Bento XVI e do presidente da Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios, D. Virgílio Antunes, conteúdos para crianças, adolescentes, jovens e adultos, uma “vigília vocacional” e os contactos dos Secretariados Diocesanos da Pastoral Vocacional.

Esta Semana desafia a Igreja a criar as “condições necessárias” para que “os cristãos, sobretudo as crianças e os jovens, experimentem a alegria do encontro com o amor de Deus”, salienta D. Virgílio Antunes.

“Os meios são variados nas suas formas, mas incluem sempre a leitura da vida à luz da fé, a entrada em profundidade na oração e na escuta da Palavra de Deus, a inserção na vida da comunidade cristã, que celebra, evangeliza e pratica a caridade fraterna”, acentua o bispo de Coimbra.

A Semana, que se conclui a 29 de abril, 49.º Dia Mundial de Oração pelas Vocações, “deve levar as comunidades locais, dioceses e paróquias, a reconhecer no padre, homem frágil como todos os outros, mas chamado e escolhido por Deus para receber a unção do Espírito e se tornar servo da Igreja”, refere.

D. Virgílio Antunes deixa uma “palavra de gratidão” aos jovens cristãos “por tantos bons testemunhos” que dão “na descoberta da fé e na abertura ao amor de Deus” e encoraja-os “a não desistir, porque esse é o caminho do compromisso eclesial e pode ser o caminho da descoberta da vocação sacerdotal”.

Referindo-se às “vocações de consagração, tanto no sacerdócio, como na vida religiosa ou nos institutos seculares”, o responsável sustenta que “a Igreja toda e em todos os seus membros” deve oferecer a Deus “uma grande oração de louvor e ação de graças” por esses “servidores”.

Na mensagem para esta celebração, o Papa Bento XVI pediu aos vários responsáveis da Igreja Católica que promovam um discernimento “vigilante” das novas vocações para o sacerdócio e a vida consagrada, oferecendo aos jovens um “acompanhamento espiritual sábio e vigoroso”.

“É importante que se criem, na Igreja, as condições favoráveis para poderem desabrochar muitos ‘sins’, respostas generosas ao amoroso chamamento de Deus”, escreve.

Na parte final da mensagem, Bento XVI pede aos bispos, padres, diáconos, consagrados e consagradas, catequistas e agentes pastorais que promovam “uma escuta atenta de quantos, no âmbito das comunidades paroquiais, associações e movimentos, sentem manifestar-se os sinais duma vocação para o sacerdócio ou para uma especial consagração”.

A Semana das Vocações vai estar em destaque nas emissões do programa da Igreja Católica na Antena 1, entre segunda e sexta-feira (22h45).

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar