0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2012-03-15 | Lisboa: Patriarca pede mais do que «ação social»

D. José Policarpo diz que a solidariedade é «expressão própria da fé» em momentos difíceis

Lisboa, 14 mar 2012 (Ecclesia) – O cardeal-patriarca de Lisboa afirmou hoje que “em momentos particularmente difíceis” como o que o país está a viver, os cristãos não se devem limitar a exercer “ação social”, mas “fazer da partilha um dom de amor”.

D. José Policarpo deixa o apelo na apresentação da sua quarta catequese quaresmal, marcada para domingo, intervenção disponível na página do Patriarcado na internet.

“Sempre, mas de um modo particular no momento que estamos a viver a solidariedade, que para os cristãos deve ter expressão da caridade, não é apenas exigência da fé, é, antes, uma expressão própria da fé”, refere o também presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP).

Segundo este responsável, “o cristão acredita amando” e a caridade é “a luz que mitiga a obscuridade que, frequentemente, atinge a fé”.

“A generosidade do dom está ligada às mais belas alegrias da fé. Experimenta-se que, afinal, Deus se torna muito presente no amor do próximo”, assinala.

A próxima catequese do patriarca de Lisboa é dirigida “aos obreiros da solidariedade e da caridade”, com um convite particular para as pessoas que estão integrados em “estruturas de caridade organizada”, como Centros Paroquias, Conferências de São Vicente de Paulo, Misericórdias, Cáritas ou outras, mesmo que não sejam da Igreja.

“O meu próximo é o meu vizinho, aquele com quem me cruzo e cujo sofrimento me comove o coração”, refere D. José Policarpo.

As catequeses que o cardeal-patriarca profere nos domingos da Quaresma – tempo litúrgico que serve como preparação para a Páscoa – são transmitidas em direto por vídeo através da página dedicada à ‘Missão Metrópoles’ na internet.

Cada intervenção, dirigida a destinatários específicos, é antecipada por um vídeo apresentado na quarta-feira anterior, onde se resume o tema escolhido.

“Vamos meditar sobre o sentido cristão desta dedicação aos irmãos”, revela o presidente da CEP, sublinhando que “a fé é também a generosidade do amor”.

Para D. José Policarpo, é “importante” aprender a não fazer daqueles que estão em necessidade “um caso”, mas “vê-los com o coração”.

A ‘Missão Metrópoles’, idealizada pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização, está a decorrer na Diocese de Lisboa até 15 de abril, domingo após a Páscoa.

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar