0 ITEMS
Share
Telefone. +351 212 751 000
   info@cristorei.pt
 
2012-03-10 | Dominicanos: 50º Aniversário da restauração da Província Portuguesa da Ordem dos Pregadores

Programa comemorativo percorre as regiões de Lisboa, Fátima e Porto com memórias e «perspetivas de futuro

Lisboa, 10 mar 2012 (Ecclesia) – Os frades dominicanos comemoram este domingo o 50º aniversário da restauração da sua Província Portuguesa, com uma celebração eucarística no Convento de Nossa Senhora do Rosário, em Fátima.

Em comunicado enviado à Agência ECCLESIA, aquela que é conhecida como a Ordem dos Pregadores classifica a festa como uma ocasião de “alegria, de ação de graças e, sobretudo, de recordação do passado sem deixar de perspetivar o presente e o futuro”.

Os religiosos “convidam todos, em particular a Família Dominicana, a participarem ativamente nas múltiplas iniciativas que marcarão este ano de 2012”.

A congregação dominicana chegou a Portugal em 1217, por intermédio de um companheiro de S. Domingos, o português frei Soeiro Gomes.

Os dominicanos começaram por formar uma comunidade no alto da Serra do Montejunto, situada 65 quilómetros a norte de Lisboa, mas acabaram por se mudar para Santarém, onde fundaram o seu primeiro convento em 1218.

Depois de atingir a estabilidade em território nacional, a Ordem dos Pregadores começou a consolidar comunidades religiosas em localidades como Coimbra, Porto, Lisboa, Elvas, Guimarães e Évora.

A presença dos religiosos foi também reforçada através da instituição do Vicariato de Portugal da Província Ibérica, em 1275, e com a criação da Província Portuguesa da Ordem dos Pregadores, em 1418.

No entanto, em 1834, “depois de séculos de enorme labor apostólico, em Portugal e nos territórios missionários, os Dominicanos e todas as Ordens Religiosas acabaram por ser extintos do território português”, recorda o comunicado.

Esta situação só começou a ser contrariada mais de um século depois, com a entrada em Portugal de alguns frades provenientes do Canadá, que contribuíram para a restauração definitiva da Província, decorria o ano de 1962.

Uma hora antes da celebração eucarística em memória deste acontecimento, prevista para as 17h00, os religiosos vão promover a apresentação do livro “Portugal Dominicano: memórias e presenças”.

programa das comemorações, que atravessa grande parte deste ano, inclui ainda um colóquio sobre “A restauração da Província Dominicana de Portugal – memória e desafios”, previsto para 6 de Outubro, no Porto.

Os frades pregadores contam atualmente com quatro comunidades em Portugal, três conventos e uma casa, e integram ainda o Vicariato de Angola, com mais vinte irmãos, quase todos angolanos, distribuídos por três comunidades.

Fonte: Agência Ecclesia

<<< Voltar